O Que Olhar ao Escolher um Hotel?

Viagem = Hotel, airbnb, hostel, pousadinha, resort… Não importa, a gente tem que escolher um desses quando estamos viajando, óbvio. Mas, quais são os critérios mínimos para escolhermos um hotel e não outro? Você “fuça” na internet para ter mais informações sobre o hotel? Eu fuço, sempre!

Bom, não só a localização, aparente limpeza e o preço são importantes. Também sempre levo em consideração se no hotel é servido café-da-manhã, se temos que pagar pelo estacionamento, pela internet e principalmente se no hotel que escolhi tem o maior pesadelo de quem vai se hospedar… Sempre procuro informações se há ou se já houveram os horríveis BED BUGS! Bed bugs, ou percevejos-de-cama, são insetos de aproximadamente 1 a 7 mm, que se alimentam de sangue, se escondem muito bem durante o dia no quarto e picam pessoas durante a noite. Esses monstrinhos são parentes dos temidos barbeiros que transmitem a doença de Chagas e de acordo com The American Journal of Tropical Medicine and Hygene (Jornal Americano de Medicina Tropical e Higiene – tradução livre), são tratados como um incômodo e um problema de saúde pública, assim como as (argh) baratas. Bom, com relação a doenças, ainda não se tem confirmação se há transmissão de doenças pelo percevejo-de-cama, mas há estudos sobre a relação desses insetos com transmissão de Chagas, nada confirmado ainda.

Esses insetos são uma praga. Se escondem muito bem e geralmente, descobrir se há existência deles no lugar onde se está hospedado é da pior forma: quando se acorda cheio de picadas na manhã seguinte. Eles geralmente se escondem nas costuras, espumas e molas do colchão, gaveteiros, camas ou cabeceiras, poltronas, etc. O pior, eles podem se espalhar facilmente, já que podem se entrar dentro das malas, ficar em meio a roupas e ir embora conosco para casa. Infelizmente não estamos totalmente livres da existência deles em hotéis de luxo e resorts e nem mesmo em cidades badaladas como Nova York, que tem um registro de reclamações considerável a respeito dos bed bugs, especialmente na região de Manhattan.

Tá, mas como tentar evitar esse encontro fatal? Bom, a verdade é que nenhum de nós está totalmente imune a esse encontro. Mas agora que você sabe da existência desses insetos (ou já sabia), o que você pode fazer é digitar no Google o nome do hotel + bed bugs, ou em português mesmo o nome do hotel + percevejo. Eu também procuro por relatos de hóspedes em sites ou aplicativo como o TripAdvisor, o que pode ser bem útil. Há também o site (em inglês) Bed Bugs Reports, que é específico só para relatos de bed bugs em hotéis e apartamentos (pois é, a coisa é séria), mas ele só tem relatos de pessoas que se hospedaram nos EUA ou no Canadá. Ligar para o hotel e perguntar? Hm… Pode até tentar, mas eu sinceramente duvido que eles iriam dizer. Bom, e se você vivenciou essa experiência desagradável, reporte também para o TripAdvisor, Bed Bugs Reports e principalmente para o próprio hotel, para que outras pessoas fiquem sabendo e para que o hotel possa tomar providências!

Boa viagem!

by Lalá.

 

Referências:

Artigo sobre estudo da relação dos percevejos-de-cama e doença de Chagas (em inglês): https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4347337/

Nesse link, no site da Raid, tem mais algumas explicações sobre o percevejo-de-cama: https://www.linharaid.com.br/pt-br/bug-id/bed-bugs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s